BANNER GOVERNO

Assaltante é morto após manter família refém durante fuga

19 setembro, 2020

O assaltante Anderson Campos Correa, 22, vulgo “Pachola” morreu após realizar roubo em uma barbearia, trocar tiros com um policial à paisana e fazer refém uma família dentro de um carro modelo Etios. O crime aconteceu na noite desta sexta-feira (18) na zona Leste da capital de Rondônia.

O comparsa dele, Francisco Romário Barbosa do Nascimento, foragido do presídio Milton Soares de Carvalho (470) foi preso e levado para a  Central de Flagrantes.

As informações apuradas pelo site são de que a dupla criminosa teria tentado fazer um roubo a uma residência no bairro Agenor de Carvalho, mas como não conseguiu invadiu uma barbearia na região e roubou funcionários e clientes.

Na fuga, a dupla trocou tiros com um policial e Anderson foi baleado no abdômen. Mesmo assim, ele armado rendeu uma família em um carro e fazendo refém exigiu que o motorista saísse do local em alta velocidade.

Porém, na fuga ele teria apontado a arma para a esposa e o bebê do dono do carro, que em desespero entrou em luta corporal e conseguiu tomar a arma do ladrão.

LEIA TAMBÉM:

Pescador desaparecido no Rio Madeira pode ter sido atacado, diz o irmão da vítima

Mulher de 34 anos é atacada a facadas por bando em Rondônia

O criminoso teria implorado para a vítima não atirar nele e não foi mais alvejado. Policiais militares que já estavam fazendo o cerco chegaram ao local e o criminoso baleado foi socorrido para a UPA, mas morreu na unidade médica. Segundo a polícia, ele já tinha passagens no sistema prisional por roubo a residência.

O comparsa dele foi preso nas proximidades do hipermercado DB. Ele estava foragido do presídio 470 desde o dia 12 de junho, ocasião em que 12 apenados conseguiram ganhar as ruas.

Rondoniaovivo

Roagora Fanpage

Comentarios