GOV 970x250 09 07

Fluminense aposta em bom momento para largar na frente do Fortaleza no Castelão

28 julho, 2022

Em momentos opostos no Campeonato Brasileiro, Fortaleza e Fluminense mudam o foco neste meio de semana para o confronto de ida das quartas de final da Copa do Brasil. Nesta quinta-feira, os times se enfrentam na Arena Castelão, às 20h30, onde o time carioca irá colocar o favoritismo à prova, enquanto o rival quer fazer jus ao fator casa para abrir vantagem.

Fluminense aposta em bom momento para largar na frente do Fortaleza no Castelão

O jogo de volta será disputado somente no dia 17 de agosto, às 20h, no Maracanã. Além da chance de se manter vivo na busca pelo título mais rentável do futebol brasileiro, quem avançar às semifinais vai receber R$ 8 milhões em premiação da CBF. O próximo adversário irá sair do confronto entre Atlético-GO e Corinthians, uma vez que o caminho do mata-mata também já foi definido por sorteio.

O favoritismo do time comandado por Fernando Diniz não é à toa. Afinal está invicto há dez jogos, com oito vitórias e apenas dois empates neste meio tempo. Na tabela do Brasileirão, está em terceiro lugar, com 34 pontos, e perto dos paulistas Corinthians e Palmeiras. O Fortaleza vive um momento totalmente diferente. No momento se encontra na lanterna da competição nacional e está lutando para se manter na elite. Ao fim do primeiro turno, o time cearense tem 75% de chances de rebaixamento.

Na Copa do Brasil, os dois adversários da noite entraram direto na terceira fase por terem disputado a Copa Libertadores. O Fluminense passou por Vila Nova-GO e depois pelo Cruzeiro nas oitavas. O Fortaleza levou a melhor sobre o Vitória e depois eliminou o arquirrival Ceará, em dois jogos emocionantes. Venceu o primeiro por 2 a 0 e perdeu o segundo por 1 a 0, levando a vaga pelo placar agregado: 2 a 1.

O técnico Juan Pablo Vojvoda terá que lidar com pelo menos cinco desfalques para armar o Fortaleza. O goleiro Fernando Miguel, o zagueiro Tinga, os volantes Zé Welison e Hércules e o meia Matheus Vargas, que já foram baixas contra o Santos na última rodada do Brasileirão, não se recuperaram a tempo e seguem de fora.

As mudanças podem não parar por aí. Em situação angustiante no Brasileirão, o comandante avisou que pode poupar alguns jogadores visando o duelo de domingo, fora de casa, contra o Cuiabá. Segundo ele, a escalação contra o Fluminense irá levar em conta a recuperação física de cada jogador.

“Estamos vindo em uma maratona de jogos e todos são decisões para nós. Sabemos da importância do mata-mata da Copa do Brasil, mas não podemos deixar de lado nossa vida na elite nacional. Por isso, vou ver a situação de cada atleta fisicamente, para decidir qual será a escalação que irá entrar em campo. Quem não estiver bem, será poupado. Infelizmente, precisamos fazer algumas escolhas”.

Do outro lado, o Fluminense deve ir a campo com o que tem de melhor. Fernando Diniz esperava contar com o atacante Alan, que foi repatriado na semana passada após alguns anos jogando no futebol da Áustria e da China. Mas, devido a toda questão burocrática, ele não foi inscrito a tempo para esse mata-mata da Copa do Brasil.

Titular na defesa, o zagueiro Nino alertou sobre as dificuldades que o Fluminense terá fora de casa. “A gente já tem uma decisão contra o Fortaleza, uma equipe muito organizada, com ótimos jogadores, com um treinador que já está há um tempo implementando a filosofia dele. Um estádio que é sempre muito difícil de jogar. Sabemos que vamos encontrar um clima de uma torcida que vai querer empurrar o time o tempo todo, temos que estar focados, concentrados para trazer um bom resultado de lá e decidir em casa”, disse o zagueiro.

Fonte:  ESTADAO CONTEUDO

Roagora Fanpage

Comentarios