Energisa
GOV 970x250 01 02

Energisa continua em prontidão para chuvas e pontos de alagamento em abril

6 abril, 2022

Rompimento de cabos por queda de árvores e descargas elétricas são efeitos da chuva que impactam segurança e fornecimento


Em abril, de acordo com a consultoria de meteorologia Grupo Storm, as chuvas em Rondônia devem ficam dentro da média histórica.  Contudo, é preciso atenção à vazão dos rios nesse período. Isso porque, as chuvas do mês passado se concentraram nas cabeceiras e provocaram alta no nível dos rios e pontos de alagamento que, em alguns pontos, ainda não recuaram. A situação é acompanhada em tempo real no Centro de Operações Integrada (COI) da Energisa em Porto Velho, pois fatores climáticos podem afetar o fornecimento de energia e exigem também a atenção dos clientes para evitar acidentes.

Energisa continua em prontidão para chuvas e pontos de alagamento em abril

Lenildson Santos, coordenador de Saúde e Segurança da Energisa em Rondônia, explica que descargas elétricas podem provocar curto-circuito e falta de energia. Assim, como os ventos que quebram galhos e provocam quedas de grandes árvores que rompem os cabos de energia. “A previsão climática nos auxilia a estar prontos para atuar, porém, enfrentamos desafios que surgem com as chuvas, como atoleiros e alagamentos das vias, especialmente nas áreas rurais, dificultando a chegada das equipes de manutenções em áreas mais distantes”, frisou ao lembrar que os colaboradores são orientados a reduzir a velocidade e observar as condições de tráfego das ruas e pontes visando a segurança.

O monitoramento em tempo real foi importante durante os alagamentos registrados no interior do estado em março, conforme conta Santos. “Equipes técnicas capacitadas também percorreram de barco os pontos alagados avaliando se havia risco elétrico e orientando a população”, destacou. A atuação conjunta com a Defesa Civil avaliou a necessidade do desligamento do fornecimento nos casos emergenciais.

Santos lembra que a água é um condutor de eletricidade, por isso, alerta os moradores a continuarem atentos às orientações da concessionária sobre os cuidados com a rede elétrica. “Se a água estiver no nível da calçada da sua casa, desligue o disjuntor no quadro de energia interno do imóvel apenas, nunca mexa no medidor de energia, e busque um lugar seguro. Sua vida e dos familiares são mais valiosas do que os objetos”, frisou.  Caso o morador identifique alguma situação de perigo envolvendo a rede elétrica, é preciso informar imediatamente a Energisa pelos canais digitais de atendimento. O serviço está disponível 24 horas por dia no WhatsApp Gisa (69) 9358-9673, aplicativo Energisa On,  www.energisa.com.br ou call center 0800 647 0120.

Confira outras dicas para evitar acidentes com água e energia elétrica:

  • Não encoste em postes ou estruturas elétricas para se proteger durante as enchentes;
  • Não toque em aparelhos elétricos com as mãos ou pés úmidos;
  • Nunca tente desligar ou religar energia da rede elétrica por conta própria;
  • Não tente carregar aparelhos eletrônicos, como celulares, em locais úmidos;
  • Fique distante de cabos partidos e informe à Energisa imediatamente pelos canais de atendimento;
  • Evite ficar próximo de estruturas altas, como torres de telefonia ou de energia elétrica;
  • Desligue a energia do seu imóvel por meio do disjuntor interno da caixa de luz do imóvel;
  • Nunca mexa no medidor de energia externo.

Fonte: Assessoria

Roagora Fanpage

Comentarios