GOV 01 09
ALE 01 09

“Sem coração”, mulher que jogou bebê de prédio não demonstra preocupação ao ser presa

21 junho, 2020

Uma mulher de 20 anos, que arremesou um bebê que ela tinha acabado de dar a luz do 2° andar de um prédio, na Praia Grande, litoral de São Paulo, foi presa em flagrante após cometer o crime. Ao ser capturada pelos políciais, a jovem demonstrou muita ‘calma’.

LEIA TAMBÉM:

Jovem morre no hospital após bater em barraca de ponto de ônibus em Rolim de Moura

Segundo a polícia, a mulher foi autuada em flagrante por crime de infanticídio. Ela deverá ser levada para um presídio quando receber alta, já que está internada no Hospital Irmã Dulce, por conta do pós-parto.

Entenda

O caso aconteceu na tarde desta quinta-feira (18), em um condomínio residencial na Vila Caiçara, em Praia Grande. O bebê foi arremesado pela jovem do 2° andar do apartamento e depois jogado na lixeira perto do edifício. Mais tarde, o bebê – já morto – foi encontrado pela auxiliar de serviços gerais Cristiane Pereira Campos Silva, que chamou o zelador. Eles acionaram a Polícia Militar e o Samu, que constatou a morte da criança.

De acordo com a auxiliar, havia muito sangue no local e ela até achou que era carne fresca. “Tinha muito sangue fora da lixeira”, afirmou a mulher ao site G1. A jovem disse no hospital que o saco de lixo, com o corpo do bebê, teria caído da janela do apartamento por acidente.

Motivo

Segundo a delegada responsável pelo caso, Lyvia Bonella, da Delegacia de Defesa da Mulher, “ela tinha muito medo que a mãe viesse a descobrir da gravidez. Ela tem um outro bebê de aproximadamente um ano e dez meses. Ela mora com mãe, irmã e filho”, disse a delegada em uma coletiva de imprensa na tarde desta sexta-feira (19).

Fonte: Ultimo Segundo

Roagora Fanpage

Comentarios