Energisa
GOV 970x250 01 02

Polícia soluciona o caso de mulher de 32 anos, morta em Pimenta Bueno

3 fevereiro, 2022

Apesar da brutalidade, acusado foi liberado após prestar depoimento


Um homem de 28 anos foi preso hoje em  Pimenta Bueno, acusado de matar uma mulher de 32 para esconder a gravidez dela, que seria revelada e complicaria a vida do mesmo, que é casado.

Polícia soluciona o caso de mulher de 32 anos, morta em Pimenta Bueno

Antonieli Nunes Martins (FOTO), a vítima, era solteira e foi encontrada na manhã desta quinta-feira, 03, na casa onde morava com o filho de 03 anos. O garoto, no entanto, estava na casa da avó. A vítima tinha uma perfuração de faca no pescoço.

A polícia foi à casa do elemento  até então apenas suspeito do crime e o levou para a Delegacia de Polícia Civil, onde ele deu detalhes da crueldade contra a companheira de trabalho com quem mantinha um relacionamento.

Fontes revelaram que ontem à tarde, quando saiu da empresa onde trabalham, o casal foi até a casa da vítima.

LEIA TAMBÉM:

Cachorro atravessa pista e provoca acidente na BR-364 em Pimenta Bueno

Em Porto Velho, marido encontra mulher morta ao chegar em residência

Dupla executa jovem com tiro na cabeça em Rolim de Moura

Homem de 34 anos é assassinado a tiros no meio da rua em Cacoal

Lá eles discutiram, porque Antonieli passou a cobrar do parceiro que ele assumisse a relação e o filho.

O homem, então, estrangulou a vítima e, como ainda ela estava viva, com medo que a parceira sobrevivesse e o entregasse, deu uma facada no pescoço dela, fugindo em seguida.

Mesmo assumido ter matado, o rapaz prestou depoimento e foi liberado, pois as autoridades entenderam que ele havia conseguido escapar do flagrante, conforme lei.

Fonte: Folha do Sul

Roagora Fanpage

Comentarios