BANNER GOVERNO

Polícia diz que policial federal usava carro oficial da corporação ao atirar contra marido de delegada

23 fevereiro, 2021

A investigação da Polícia Civil revelou que o policial federal estava usando o carro oficial da PF no momento em que atirou sete vezes contra o marido de uma delegada da Polícia Civil de Porto Velho. A tentativa de homicídio ocorreu nesta segunda-feira (22), na zona norte, após o servidor da PF confundir a vítima como assaltante.

A delegada do caso, Leisaloma Carvalho, contou em entrevista que câmeras de segurança da região filmaram a placa do veículo de onde foram efetuados os disparos.

“Após se passarem algumas horas, o veículo foi identificado como sendo uma Saveiro de cor prata, pertencente à instituição da Polícia Federal. O veículo foi avaliado, e um dos pneus estava furado”, contou a delegada da Polícia Civil.

Polícia diz que policial federal usava carro oficial da corporação ao atirar contra marido de delegada

Ainda conforme revelou Leisaloma, o policial federal se apresentou na Delegacia de Homicídios nesta segunda-feira e confessou ser o autor dos disparos. O servidor esteve na unidade acompanhado de seu superior.

LEIA TAMBÉM:

Policial militar morre afogado ao tentar salvar 4 crianças

Nadadora francesa foi estuprada por colega de equipe durante três anos

Mãe joga água quente no filho por ele tomar todo o achocolatado

Polícia Federal vai realizar concurso com 1.500 vagas

Fiat Uno pega fogo e motorista morre queimado

Chico Rodrigues é afastado da vice-liderança do governo no Senado

Carro conduzido por policial militar fica destruído após colisão com carreta

A investigação aponta que, no momento dos disparos contra a vítima, o veículo da PF estava estacionado na frente da casa da delegada às 2h da madrugada, porém não foi revelado o motivo do automóvel oficial estar parado naquele local.

Procurada pela reportagem do G1, a PF não se manifestou sobre o assunto.

O veículo oficial da PF vai passar por perícia técnica e a arma do servidor foi apreendida, segundo informou a Polícia Civil. O policial não ficou preso e o caso segue em investigação.

A vítima está internada no hospital João Paulo II em estado grave, e deve ir para a UTI.

Fonte: G1/RO

Roagora Fanpage

Comentarios