api 01 05
Ale 09-06 02

Mulher é morta a facadas no pescoço em Ariquemes

8 maio, 2021

Uma mulher de 22 anos de idade foi morta com facadas no pescoço na Rua Céu Azul do Setor 09 de Cima em Ariquemes/RO, na madrugada deste sábado, 08.

Mulher é morta a facadas no pescoço em Ariquemes

Eram por volta das 02h45m quando a polícia foi acionada para comparecerem no referido endereço, pois uma pessoa teria sido esfaqueada.

Imediatamente uma equipe do SAMU, juntamente com uma guarnição da Polícia Militar, se deslocaram até o local, onde ao chegarem, nada mais pode ser feito, pois a mulher identificada como Thalita Oliveira Viana, 22 anos de idade, já estava sem vida.

A mulher estava caída ao solo, a qual apresentava perfurações na região do pescoço, ocasionadas por uma arma branca tipo faca. A Polícia Técnica foi acionada para realização dos procedimentos periciais, juntamente com a funerária de plantão para remoção do corpo.

Conforme informações, a vítima foi agredida com um golpe de madeira na região da cabeça por um homem. Uma mulher teria desferido os golpes de facas contra Thalita. Os autores fugiram do local, tomando rumo ignorado.

LEIA TAMBÉM:

‘Vendo droga porque tenho que sustentar meus filhos’, diz mulher presa por tráfico

Mulher corta pênis de namorado após traição e joga na privada

Polícia prende pastor por roubos de R$ 240 mil do banco do Brasil e Sicredi

Mulher fica gravemente ferida ao parar debaixo de veículo em acidente na RO-463

Homem é assassinado a tiros por passar a mão nas nádegas de amigo

Após menino balear a si mesmo e atingir rosto da irmã com tiro de espingarda, pais serão indiciados

Mulher é morta com 11 golpes de faca pelo companheiro

Homem tem pés e mãos amarrados e é executado com tiros na cabeça pelo tribunal do crime

Perícia aponta que mulher morta em MT pelo marido foi assassinada com marteladas e golpes de faca, esposo cometeu suicídio em seguida

Cobrança de dívida resulta em tentativa de homicídio em Ji-Paraná

A vítima portava uma faca de cabo de cor preto na região da cintura. A Polícia Civil investiga o caso.

Fonte: Ariquemes 190

Roagora Fanpage

Comentarios