GOV 01 09
ALE 01 09

Morre policial civil que atirou em sua própria cabeça em Vilhena

3 agosto, 2021

A tragédia foi registrada na tarde desta terça-feira, 03 de Agosto, na Feira Municipal do Centro, na avenida Leopoldo Peres, em Vilhena/RO.

Morre policial civil que atirou em sua própria cabeça em Vilhena

Moradores acionaram a Polícia Militar informando que avistaram o momento em que o escrivão da policia civil Wagnor da Costa Oliveira Ricardo, de 38 anos, chegou ao local em uma moto e adentrou a feira, de onde na sequencia foi ouvido um estampido provocado por disparo de arma de fogo.

Ao chegarem o que havia ocorrido, encontraram Wagnor caído ao lado da arma, ainda vivo, sendo solicitada a presença da Polícia Militar e de uma unidade  de resgate do Corpo de Bombeiros Militares.

Apresentando perfuração por disparo de arma de fogo na cabeça, o policial foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros ao pronto-socorro do Hospital Regional em estado grave.

Apesar dos esforços da equipe médica que o atendeu, Wagnor não resistiu a gravidade do ferimento e veio ao óbito.

LEIA TAMBÉM:

Passageiro morre após caminhão descontrolado bater e destruir poste na BR-364

Três crianças morrem em incêndio residencial; outra criança de seis anos conseguiu escapar

ASSISTA VÍDEO: De folga, policial militar executa manobra e salva criança engasgada com bala em supermercado

Em Cerejeiras, homem espanca esposa e faz ameaça de morte: “se não for minha, você não será de mais ninguém”

Homem é preso em Vilhena após matar esposa com facada

Homem tenta beijar na boca de enteada de 7 anos e acaba na cadeia

Jovem acorda sendo violentada pelo marido da amiga em residência

Corpos carbonizados em carro são de pastor e esposa que estavam sumidos

Briga entre vizinhos acaba com homem preso após disparos de pistola

Homem é assassinado na calçada de comércio em Ouro Preto do Oeste

A Polícia Civil e a Polícia Técnico-Científica (POLITEC) realizaram os trabalhos no local, apreendendo a arma de calibre .380 usada pelo policial.

Informações dão conta de que Wagnor enfrentava sérios problemas de depressão e havia feito declarações preocupantes aos colegas policiais, que o procuravam deste o meio dia na tentativa de encontrá-lo e evitar o pior.

A Polícia Civil abriu inquérito policial e deve investigar os motivos que levaram a vítima a atentar contra a própria vida.

Fonte: Rota Policial News

Roagora Fanpage

Comentarios