Energisa
GOV 970x250 18 02

Jovem teve o corpo carbonizado pelo namorado por causa de R$ 100

20 maio, 2022

Em entrevista coletiva concedida nesta sexta-feira (20) a delegada titular, Leisaloma Carvalho, da 1° Delegacia Especializada em Repressão a Crimes Contra a Vida (DERCCV) passou detalhes da Operação Joana D’arc, deflagrada para elucidar o assassinato brutal da jovem Emile Najara Costa de Souza, 18,  encontrada morta carbonizada na noite do último dia 05, no ramal Jatuarana, Vila Franciscana, cerca de 30 quilômetros após a ponte do rio Madeira, em Porto Velho (RO).

Jovem teve o corpo carbonizado pelo namorado por causa de R$ 100

O assassino confesso, Claudenir Sales dos Santos Filho, foi preso durante a operação.

Conforme a delegada Leisaloma Carvalho, o crime teria sido motivado por causa da quantia de R$ 100,00. O acusado, que faz parte de uma organização criminosa, segundo a polícia e seria assaltante de residências, teria transferido a quantia de R$ 200,00 via pix para para a conta da vítima. Os dois tinham um relacionamento amoroso recente.

Segundo a delegada, a menina teria gasto e não passou o dinheiro ao acusado. Todavia, depois de uma discussão, a jovem repassou a quantia de R$100, 00 ao acusado e ficou devendo a outra metade.

Claudenir teria fingido a aceitar dizendo que estava tudo bem, mas depois marcou um encontro com a a jovem em um apartamento no bairro Jardim Eldorado e praticou o crime brutal.

A vítima foi morta com um tiro no pescoço e depois levada para o ramal Jatuarana onde acabou tendo o corpo carbonizado pelo acusado, que teve o apoio de pelo menos um comparsa que já foi identificado e está sendo procurado.

O crime

A garota estava desaparecida há dois dias, quando saiu de casa no bairro Caladinho, na zona Sul afirmando que ia se encontrar com o acusado, Claudenir, que tinha conhecido há pouco dias.

A vítima foi localizada morta de forma cruel. Segundo a polícia, a jovem teria sido executada a tiros e depois teve o corpo desovado e jogado no ramal Jatuarana. Um pedaço de corda foi apreendida próximo ao corpo da vítima.

O carro usado para levar a jovem até o local, um Jeep Renegade, foi apreendido na semana passada abandonado em uma mata na mesma região onde a vítima foi morta. O veículo constava restrição de roubo.

Fonte: Rondoniaovivo

Roagora Fanpage

Comentarios