DestaquePolícia

Jovem é assassinado após pedir para homem não urinar na calçada

Após o pedido de Victor, para que não o fizesse, começou uma confusão e o homem entrou no carro e sumiu. Minutos depois voltou, com as mesmas pessoas, e o homem começou atirar na vítima.

quarta-feira, 25/11/2020

O adolescente Victor Eduardo da Silva, de 17 anos, foi assassinado próximo ao supermercado em que trabalha, na noite desta sexta-feira (14), na avenida Brasil, em Tangará da Serra (244 km da Capital). Ele pediu para que um rapaz não urinasse na rua, pois havia uma mulher próxima. Irritado, o homem pegou uma arma e atirou em Victor.

A vítima saiu do trabalho, com uma amiga, e parou para tomar uma cerveja no momento em que foi assassinada. Os dois viram um carro se aproximar, modelo não informado, o qual estava cheio de homens e um desceu e foi urinar na calçada. Após o pedido de Victor, para que não o fizesse, começou uma confusão e o homem entrou no carro e sumiu. Minutos depois voltou, com as mesmas pessoas, e o homem começou atirar na vítima.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e a Polícia Militar (PM) foram acionados. O Samu constatou o óbito.

LEIA TAMBÉM:

Criança morre engasgada na manhã deste sábado em Rondônia

A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) foi até o local e analisou que a vítima foi atingida apenas por um tiro, que foi fatal.

A PM seguiu em buscas dos suspeitos do assassinato e na madrugada deste sábado (15) prendeu seis pessoas envolvidas na morte de Victor. O autor do disparo estava escondido em uma fazenda no assentamento Pecuama.

Os presos foram encaminhados para Delegacia de Polícia e estão sendo ouvidos pelo delegado de plantão.

Fonte: RepórterMT

hqdefault - Pimenta Bueno recebe novos cursos de ensino superior

OBS: Somente os administradores poderão postar conteúdos.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar