DestaquePolícia

Hospital admite ter arrancado couro cabeludo de bebê e furado bexiga da mãe durante parto

Diretor da unidade alegou que erro na cesárea ocorreu porque havia pouco espaço entre a bacia da mãe e a cabeça da bebê, que foi cortada.

quinta-feira, 03/12/2020

A Santa Casa de Rondonópolis (218 km de Cuiabá) reconheceu que uma recém-nascida teve o couro cabeludo arrancado e a bexiga da mãe foi perfurada durante o parto, que ocorreu na segunda-feira (10). O caso foi denunciado por Adalberto de Souza Moreira, pai da bebê, na quinta-feira (13).

Segundo Adalberto, houve negligência médica no parto de sua mulher, Maria Lima de Jesus, de 38 anos, o que deixou a bebê e a mãe mutiladas.

O vice-presidente da Santa Casa de Rondonópolis, Sinésio Gouveia de Alvarenga, justificou, em entrevista a uma emissora local, que na hora do parto, havia pouco espaço entre a bacia óssea da mãe e a cabeça da criança para a retirada do feto e, por conta disso, o bebê teve parte do couro cabeludo arrancado.

LEIA TAMBÉM:

Homem cerca e injeta líquido vermelho no braço de menino de 8 anos

FATALIDADE! Homem morre após receber descarga elétrica em Santa Luzia D´Oeste

Mãe é surrada pelo filho que chegou em casa sob efeito de drogas

 

De acordo com informações da Santa Casa de Rondonópolis, a mãe e a criança seguem internadas em estado grave na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). O hospital informou ainda que a atenção principal é nos cuidados com a recuperação da mãe e da criança.

A Santa Casa também disse que iniciou os procedimentos para apuração do que aconteceu no parto feito na segunda-feira.

Reporter MT

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar