api 01 05
banner 09-06  01

Homem morto esmagado por empilhadeira assassinou 4 pessoas há 15 anos em Cuiabá

1 abril, 2021

Creudinei morreu após ser esmagado por uma empilhadeira


O homem, identificado como Creudinei da Costa Lima, conhecido como ‘Irmão’, que morreu na última sexta-feira (26) após ser atingido na cabeça por uma empilhadeira no bairro Renascer, em Cuiabá, foi condenado a 73 anos de prisão pelo assassinato de um homem, em Cuiabá, e de outras três pessoas da mesma família, em Chapada. Tudo começou numa boate em janeiro de 2005 após a vítima, Edirson Carlos da Cruz, de 23 à época, lhe pedir um cigarro e ele negar e a matá-la logo em seguida com dois tiros.

Por este crime, Creudinei pegou 16 anos de cadeia, sendo que ficou 12 anos detido. Após o crime, em 2005, Creudinei foi se esconder numa chácara no distrito de Agaçú, em Chapada dos Guimarães.

Lá, ele se apaixonou por uma de suas primas. Após ela dizer que não o queria mais, Creudinei a matou.

Homem morto esmagado por empilhadeira assassinou 4 pessoas há 15 anos em Cuiabá

LEIA TAMBÉM:

Mãe tenta defender filha de psicopata e as duas são brutalmente esfaqueadas, no AM

Após discussão mulher mata marido com tiro na cabeça

Apresentadora de TV e rádio é morta asfixiada pelo marido

Flordelis admite que sabia de plano para matar marido, mas nega participação

Jovem desaparecida no Mato Grosso é localizada morta em plantação de soja, com possíveis golpes de faca e com sinais de abuso sexual

Em seguida, ele assassinou os dois primos da mulher. Pelo triplo homicídio, ele foi condenado a cerca de 57 anos de prisão.

De acordo com informações do programa Olho Vivo na Cidade (TV Cidade Verde 12.1), a família está recebendo ameaças de um parente de Creudinei por causa de uma publicação nas redes sociais em que lembrava sobre os crimes cometidos pelo homem.

Na tarde da última sexta-feira (26), ele acabou morrendo em um acidente de trabalho, após ser atingido por uma empilhadeira. Após sua morte, vários comentários nas redes sociais falavam que ele era trabalhador e uma boa pessoa.

No entanto, uma jovem relembrou o caso de triplo homicídio em que ele estava envolvido e a familia teria passado a receber ameaças.

Fonte: Folha Max

Roagora Fanpage

Comentarios