DestaquePolícia

Homem é morto a tiros em Rondônia; mulher ouviu o próprio marido ser morto

De acordo com informações apuradas pela PM, Nei estava na sala de casa, com a porta aberta, quando sua esposa decidiu ir ao banheiro.

quinta-feira, 03/12/2020

Uma mulher de 43 anos ouviu o próprio marido ser morto na sala de casa, na noite de segunda-feira (5), na zona rural de Vale do Anari. Segundo a Polícia Militar (PM), a esposa da vítima estava no banheiro quando alguém invadiu o imóvel e atirou contra o homem.

A denúncia sobre o homicídio na fazenda foi feita por um policial. Após uma guarnição chegar na propriedade, o dono do local contou que no início da noite alguém teria invadido a fazenda e atacado seu funcionário, identificado como Nei de Oliveira Diogo, de 33 anos.

De acordo com informações apuradas pela PM, Nei estava na sala de casa, com a porta aberta, quando sua esposa decidiu ir ao banheiro.

Enquanto estava o banheiro, a mulher ouviu baralhos na sala e pensou ser bombinhas. A mulher contou à PM que na sequência alguém se aproximou da porta do banheiro e efetuou um disparo (que atravessou a porta e se alojou na parede).

Após o disparo na porta, a mulher permaneceu trancada dentro do banheiro por cerca de 30 minutos e, ao sair, viu seu marido caído na sala. Ele tinha uma perfuração na rosto e outra no tórax.

LEIA TAMBÉM:

Cabo do Corpo de Bombeiros morre ao cair de bicicleta e bater a cabeça em cabeceira da ponte

Mulher com ciúmes do marido é presa por esfaquear jovem durante bebedeira

Com medo, a esposa do caseiro se trancou em um dos quartos da casa e permaneceu ali por cerca de mais 20 minutos. Só então, segundo ela, teve coragem para sair do imóvel e pedir ajuda de uma vizinha.

Foi realizado perícia no local do crime, mas ninguém foi identificado ou preso. O homicídio vai ser apurado pela Polícia Civil.

Jornal Correio do Vale

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar