DestaqueMundo

Carta envenenada endereçada a Donald Trump é interceptada pela Casa Branca

Fontes do FBI confirmaram que o pacote tinha a presença de uma substância venenosa identificada como ricina, encontrada naturalmente em sementes da mamona.

sexta-feira, 27/11/2020

NOVA YORK, 21 SET (ANSA) – Um envelope com uma substância letal endereçado ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, foi interceptado pelo serviço postal da Casa Branca.

De acordo com o jornal “The New York Times”, fontes do FBI confirmaram que o pacote tinha a presença de uma substância venenosa identificada como ricina, encontrada naturalmente em sementes da mamona.

A publicação ainda informou que a carta foi enviada de um endereço no Canadá e o veneno foi interceptado antes de chegar na Casa Branca.

As autoridades norte-americanas investigaram o caso e prenderam uma mulher na fronteira entre os Estados Unidos e o Canadá, segundo a mídia local. Ela é a principal suspeita de ter enviado o pacote com a substância letal.

LEI TAMBÉM:

Homem é preso por abuso sexual dentro de ônibus

Menino de 5 anos morre afogado em Porto Velho

Um episódio semelhante aconteceu em 2013, quando uma carta com ricina foi mandada ao então presidente Barack Obama. O envelope também foi barrado pelo Serviço Secreto do país. (ANSA).

Ansa

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar