Energisa
GOV RO RURAL 970x250 01 05

Aluno suspeito de planejar ato terrorista em universidade é preso

13 abril, 2022

A Polícia Federal (PF) em Goiás deflagrou uma operação na manhã desta terça-feira (12/4) para evitar um atentado terrorista, que estaria sendo planejado por estudante da Universidade Federal de Jataí (UFJ), na região sudoeste do estado.

Aluno suspeito de planejar ato terrorista em universidade é preso

Batizada de “Sicário”, a operação foi realizada por 14 policiais federais, que cumpriram três mandados de busca e apreensão, além de um mandado de prisão temporária.

As investigações começaram quando a universidade comunicou para a PF que um estudante teria feito graves ameaças contra a comunidade universitária.

Para a PF, há “fortes indícios que revelaram a iminência de um atentado”. O investigado, que não teve o nome e identidade divulgados, vai responder por atos preparatórios de terrorismo, o que pode dar até oito anos de reclusão.

“Os levantamentos iniciais revelaram que procedia o temor da universidade universitária. As investigações continuam e pretendem esclarecer se havia mais envolvidos no planejamento do atentado”, disse Vitor Bueno Cardoso, delegado-chefe de PF em Jataí.

Mensagens suspeitas

Imagens divulgadas pela PF mostram uma carteira com a seguinte inscrição feita de tinta de caneta: “Bem vindo ao jogo em breve”.

Já uma mensagem nas redes sociais ameaça: “Eu gosto de desafios grandes. Tem muitas pessoas lixos nesse mundo. Se eu tiver vivo, colocarei uma galera na linha. Com planos em breve Usumaki só para quando morre”.

A reportagem questionou a PF sobre o que significaria o termo “Usumaki” neste contexto e aguarda retorno O termo está escrito de forma semelhante à palavra japonês “Uzumaki”, que em tradução livre é redemoinho. O Metrópoles entrou em contato com a UFJ e aguarda retorno.

Fonte: Metrópoles

Roagora Fanpage

Comentarios