GOV 01 09
ALE 01 09

Advogado de MT é executado a tiros de ‘.12’ na frente do escritório; veja vídeo

12 outubro, 2021

O advogado Francisco de Assis da Silva, 52 anos, mais conhecido como “Chiquinho da Fassil”, foi executado a ‘tiros de .12’, à queima roupa, na frente de seu escritório, localizado na Rua Niterói, em São José dos Quatro Marcos (315 km da Capital), na tarde desta segunda-feira (11).

Advogado de MT é executado a tiros de ‘.12’ na frente do escritório; veja vídeo

Uma ambulância do município foi acionada para socorrer a vítima, mas quando a equipe médica chegou apenas constatou a morte do advogado na rua.

A Polícia Militar (PM) isolou o local do homicídio e comunicou o fato à Delegacia de Polícia Civil e Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), responsáveis pelos procedimentos no andamento da ocorrência.

Câmeras de segurança instaladas na região registraram o momento em que o advogado estava parado na calçada. Nesse instante, dois homens, de calça jeans, blusa de manga cumprida e boné, atravessam a rua correndo, se aproximam de Chiquinho, ‘descarregam’ as armas e fogem.

A vítima ficou caída na calçada até que o resgate e as autoridades fossem comunicados do crime.

Ainda não há informações sobre quem seriam os atiradores e a motivação do assassinato.

Os peritos analisaram as condições em que o corpo foi encontrado e o perímetro do homicídio para coletar informações que ajudem a determinar as circunstâncias e identificar os assassinos.

Em seguida, o cadáver foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML), onde passou por exame de necropsia, que vai determinar a causa clínica da morte antes de o corpo ser liberado para os procedimentos fúnebres.

LEIA TAMBÉM:

Casal é morto a tiros com bebê no colo em MT; crime chocou população

Amarrado e pronto para ser morto, PM é resgatado das mãos de facção por colegas de farda

Homem que matou família tem ligação com satanismo e fez rituais

Cabeleireiro é executado com dois tiros na cabeça em residência

Homem suspeita traição e retalha a facão o suposto pé de pano

Homicídios prende mulher que matou vizinho e voltou na cena do crime

Homem é encontrado morto com faca cravada no pescoço

Veja o que aconteceu com jovem que traiu facção criminosa; cenas fortes

Os investigadores acompanharam os trabalhos da perícia, conversaram com possíveis testemunhas e já estão analisando as imagens das câmeras de segurança para tentar identificar os atiradores e avançar rapidamente nas apurações do caso.

A Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Mato Grosso (OAB-MT), emitiu nota lamentando a morte do advogado, onde diz que ‘recebeu com muita tristeza e consternação a notícia sobre este crime de extrema violência’, onde ainda expressou condolências aos familiares e amigos ressaltando a brutalidade do homicídio.

A OAB ressaltou que entrou em contato com a Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesp), onde argumentou sobre a violência empregada na ação criminosa e pediu urgência na apuração e elucidação dos fatos.

“Lastimável, um crime brutal. Já contatei o secretário de Estado, a Inteligência da Sesp e todos estão mobilizados para desvendar os fatos”, diz o presidente da OAB-MT, Leonardo Campos.

Veja o vídeo:

Fonte: Repórter MT

Roagora Fanpage

Comentarios