ALE 01 09
GOV-2 11 12

Acusado de tentar atear fogo na esposa e em criança de 02 anos é morto a facadas por enteado

27 dezembro, 2021

Um homem identificado como Sebastião Alexandre Neto, de 36 anos, foi morto com golpes de faca na tarde de ontem (domingo, 26), no bairro Jardim das Palmeiras, em Campo Novo do Parecis, cidade de Mato Grosso a cerca de 350 da divisa com Rondônia. O crime aconteceu após o Sebastião tentar atear fogo na esposa e em uma criança de 2 anos.

Acusado de tentar atear fogo na esposa e em criança de 02 anos é morto a facadas por enteado

Segundo as informações de testemunhas, durante a briga Sebastião ainda desferiu golpes de faca nas costas do enteado, rapaz de 24 anos, que tentou defender a mãe. Ele saiu correndo da casa para não ser morto. Em seguida, Sebastião fugiu do local.

Enteado foi encaminhado para um hospital, onde foi medicado e liberado. Enquanto a PM fazia rondas atrás do então suspeito, recebeu um novo chamado via 190 com informações do agressor. Mas, quando chegaram já o encontraram morto.

LEIA TAMBÉM:

Homem suspeita traição e retalha a facão o suposto pé de pano

Homem de 49 anos é executado a tiros em frente à igreja

Presidente Bolsonaro entrega medida provisória do novo Bolsa Família

Trabalhador é amarrado e torturado por criminosos após ser sequestrado

Pai é acusado de abusar da filha de apenas 03 anos

Mulher é esfaqueada no pescoço por marido em Vilhena

Homem é assassinado com quatro tiros em Vale do Paraiso

População espanca homem acusado de estupro contra adolescente de 13 anos

Em cidade de MT, homem espanca filho de 11 anos por não fazer almoço, aponta arma falsa para policiais e acaba morto

Em Guajará-Mirim, sargento da PM morre após ser baleado em casa

Testemunha relataram que dois homens em um Uno vermelho chegaram no lugar, um deles deu facadas no Sebastião e em seguida fugiram.

Polícia saiu em ronda e conseguiu localizar os suspeitos: um deles é o enteado que havia sido esfaqueado momentos antes. Diante dos fatos, ele e o outro homem que o acompanhava foram levados para a Delegacia de Polícia Civil, que já começou a investigar o crime

Fonte: GD

Roagora Fanpage

Comentarios