api 01 05
Ale 09-06 03

Mãe cai de ônibus e bebê morre atropelada

25 novembro, 2019

Um bebê de um ano e nove meses morreu após ser atropelado por um ônibus da linha 608 (Estação Venda Nova/Nova Pampulha), na noite deste domingo (24), na região da Pampulha, em Belo Horizonte.

O acidente aconteceu após o ônibus parar para que a mãe de Guilherme Marlon Lisboa Muniz descesse no ponto solicitado.

De acordo com testemunhas, o motorista teria fechado a porta ainda no desembarque dos passageiros, quando a mulher se desequilibrou e a criança caiu para fora do veículo. Neste momento, o motorista teria arrancado o coletivo, atropelando o menino, que morreu na hora. A mãe cou com as pernas presas no ônibus e foi arrastada por cerca de 100 metros. O condutor só parou após várias passageiros gritarem.

Na porta do IML (Instituto Médico Legal), parentes da vítima estavam abalados. O garoto completaria dois anos no próximo mês. O avô da criança, Éder Alves, disse que a nora cou bastante machucada e se negou a ir a um hospital.

— Minha nora não quis ir ao hospital e cou ao lado do corpo do lho.

O motorista foi retirado do local do acidente pela PM (Polícia Militar) e foi encaminhado ao Detran (Departamento de Trânsito de Minas Gerais), onde prestou depoimento e foi liberado . O avô da vítima defende que o acidente poderia ter sido evitado.

— Isso é trabalho de auxiliar de bordo. Eu trabalhei de cobrador muitos anos, mas hoje eu não trabalho mais porque mandaram os cobradores embora. Quantos estão ai desempregados e, com isto, estamos perdendo as vidas dos familiares.

Veja também:

Homem é flagrado tomando banho em poça de lama em Rondônia: Veja o vídeo

Em nota, a Prefeitura de Belo Horizonte lamentou o corrido e informou que irá ajudar nas investigações para punir os responsáveis. O Executivo Mnicipal destacou ainda que a lei prevê que a presença de cobradores aos domingos não é necessária.

Fonte: R7

Roagora Fanpage

Comentarios